26 dezembro 2012

Tumblr_mfar4vii1x1rwwtido1_500_large
Entrámos na loja da esquina em passo acelerado e a porta esta acciona um pequeno sininho que alarma a loja de que chegámos. Observamos livros amontoados uns em cima dos outros e certas pessoas em cima de pequenos escadotes a tentarem chegar aos livros que se encontram nas prateleiras mais altas da loja. Todos nos acenam e nós retribuímos com um sorriso. A nossa assídua presença naquele lugar fez com que já fossemos reconhecidas pelos clientes do costume que ali se escondiam por momentos do mundo real e pelo Sr. Simão que não fechava a loja por um dia, nem que a deixasse aberta apenas pela manhã. Percorríamos os nossos dedos pelas estantes com um certo pó acolhedor e observávamos o que cada um lia. Como era habitual, a Dona Margarida encontrava-se de volta dos livros de receitas e o Sr. Carlos lia com intriga os livros sobre a Segunda Guerra Mundial. Também estava lá a menina Sofia que só lia romances e andava pelas ruas de livro contra o peito a suspirar. Eu ia aos meus habituais livros de poesia e tu dirigias-te à secção dos livros sobre música e teatro. Era o nosso pequeno mundo que ninguém nos poderia negar.
London, 1970, Olivia Rose

3 comentários:

  1. Há sítios que nos fazem sentir bem e que têm tudo a ver com a nossa personalidade :)

    ResponderEliminar
  2. Então estou a pensar escrever e publicar o texto e ilustração no meu blog mesmo! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. está lindo, que escrita tão maravilhosa! passarei mais vezes :)

    ResponderEliminar